É a notícia que os tutores de gatos esperavam: ter a companhia de muitos gatos não significa, de fato, que você esteja louco, triste ou ansioso.

Isso de acordo com pesquisadores da UCLA, que analisaram mais de 500 tutores de animais de estimação e não encontraram nada que apoiasse o estereótipo de longa data da “louca dos gatos”.
O estudo, publicado na revista Royal Society Open Science, observou como as pessoas reagiam a pedidos de socorro de animais e também comparavam a posse de animais de estimação com dificuldades relacionadas à saúde mental ou sociais.
“Não encontramos evidências que apoiassem o estereótipo de ‘louca-dos-gatos’. Os tutores de gatos não diferiam dos outros não-tutores quanto aos sintomas auto-relatados de depressão, ansiedade ou suas experiências em relacionamentos íntimos“, disse o estudo.
“Nossas descobertas, portanto, não se encaixam na noção de tutores de gatos como mais deprimidos, ansiosos ou sozinhos”.
A conclusão confirma uma descoberta semelhante de pesquisadores da University College London. Em 2017, eles já tinham dito que não encontraram nenhuma ligação entre a posse de gatos e o desenvolvimento de sintomas psicóticos.

Loucura é bem diferente de compaixão

O estudo também descobriu que os tutores de cães e gatos são mais propensos a ter empatia com as chamadas de socorro de um animal. Eles ficam mais tristes do que os não-tutores quando ouvem um miado de gato ou um gemido de cachorro.
“Nós encontramos várias diferenças sutis entre como adultos com e sem animais de estimação geralmente classificaram as vocalizações dos animais”, disse o estudo.
Os pesquisadores observaram que as pessoas com animais de estimação classificaram esses sons mais emocionalmente do que os que não possuem.
Fonte: CNN

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.